O autor

Márcio Oyama é jornalista por teimosia, escreve por vocação e divaga porque não se alcooliza (só toma umas pílulas).