27/02/2017

Vem pro bloco, vem pra rua, vem pra vida

Motivo #85

De folia e luxo a gente entende. Graças ao saudoso e lendário Dom Bornay.



Motivo #86

Essa relação quase simbiótica entre comunidade LGBT e carnaval, aliás, emoldura a exposição 'Será que el_ é', aberta no Museu da Diversidade Sexual, em São Paulo. Figurinos, fotografias e instrumentos musicais compõem a mostra, que ainda destaca foliões icônicos como a atriz Elke Maravilha (1945-2016) e o inesquecível carnavalesco aí de cima, Clóvis Bornay (1916-2005).

Motivo #87

Não damos pinta só na Sapucaí, não. A rua também é nossa! Mais de 20 blocos LGBT desfilarão pela capital paulista até 5 de março.

Motivo #88

Deboche e escárnio ficaram nas marchinhas empoeiradas. Hoje, o carnaval celebra força, conquista e orgulho:



Motivo #89

Outra deusa do confete, Ivete Sangalo não se cansa de nos defender. "O gay não precisa ser ajudado, não. As pessoas querem respeito. Você pode até não gostar, mas respeite para ser respeitado", lacrou a diva baiana em coletiva de imprensa.

Motivo #90

Se o seu negócio não é ziriguidum, que tal fugir da folia em Buenos Aires? A capital argentina foi eleita o destino LGBT mais importante da América Latina em estudo divulgado na última Conferência Internacional de Negócios e Turismo LGBT.

Motivo #91

Temos Adriana Calcanhoto no nosso bloco.




Saiba mais sobre o Projeto Orgulhão